poesia

“Deus existe e minha mãe é triste”, de danilo augusto

11216108_1066853636661492_758480696_n

 

 

Danilo Augusto é poeta baiano, ensaísta, tradutor e professor. Publicou os livros Poemas (2014, edição do autor), Zumbi (2014, Coisa Edições) e Sonhos e outros Sonos (2005, Luripress), mas ainda tenta lançá-los. Em 2015 publicará Estar na Grama, poemas contra a terra devastada, a incompletude, a desesperança e o lugar nenhum.

* * *

Deus existe e minha mãe é triste

Padrão

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s