poesia

João Meireles (1993-)

João Meireles nasceu em Queimados (RJ) em 1993. É historiador e poeta, foi colaborador dos sites LiteraTortura e Indique um Livro e edita a revista eletrônica Avenida Sul. Teve poemas publicados em sites e blogs no Brasil e em Portugal, além da coletânea de novos poetas “Flupp Pensa 2013 – Poesias” (Rio de Janeiro: Editora Aeroplano, 2013) e da revista O Garibaldi #5 (Juiz de Fora: Editora Matinta, 2015). Publicou o livreto “Primeiras Viagens” (edição do autor, 2014) e a plaquete “Fui a Lisboa esquecer um amor” (Juiz de Fora: Edições Macondo, 2016), e foi um dos poetas selecionados para integrar a exposição “Poesia Agora”, com curadoria de Lucas Viriato.

* * *

BALADA

é certo o enterro
de cada palavra
antes que o mês acabe
como um soluço

não sou nada
o mundo é imenso
e a porta da cozinha está
aberta pro frio entrar

falta pouco
pros dedos se acostumarem
aos furos
mas prefiro o toque

e o que me toca
não é o medo
é o espanto
o instante exato do instinto

não é a vida
mas a morte
a certeza de estar
entre parênteses

não são suficientes
beijos sob a chuva
poesia não é estrada
de amor eterno

nascer
é um exercício diário

§

BILHETINHO ANÔNIMO EM LETRAS DE FÔRMA

no campo à margem dum rio é que seríamos
a graça do romance de todos dias
a graça do romance que eu quis
mas não há vacas aparando as horas
apenas self-made love
todos os dias abrir os olhos
sentir a falta ao fechá-los
ouvir a água do café que dá enjôos ferver
lembrar o não
porque poses para fingir desilusão são muitas
não chamam sua atenção
nem mesmo dizer
eu seria tudo o que você _____

 

§

A ANATOMIA DA SUBSTITUIÇÃO

devem erguer uma placa
bem aqui nesta rachadura
inflada de esgoto e salitre
não possuo armas ou guias
somente o cheiro que me falta
como ao perfumista do romance
um círculo que não se fecha
pelo encaixe incompleto
todo besouro derrubado agoniza
as patas desbravando o ar
que falta pelo tempo
virado no chão
mas eu não sou besouro
aprendi sobre o amor
com cantoras de jazz
sobre resistência
com as abelhas do quintal

Anúncios
Padrão

2 comentários sobre “João Meireles (1993-)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s