Alfredo Mario Ferreiro, por Matheus José Mineiro

Vôo tão rasante que necessito mais de rodas que de asas. Alfredo Mario Ferreiro nasceu em Montevidéu, em 1 de março de 1899. No meio da década de 1920 começou a destacar-se como um dos mais ativos agitadores de vanguarda no Uruguai. Seus dois livros de poemas, O homem que comeu um ônibus (poemas com odor de NAFTA) (1927) e Por favor não apertar as mãos (poemas profiláticas com base … Continuar lendo Alfredo Mario Ferreiro, por Matheus José Mineiro