Rodrigo Garcia Lopes (1965_)

fotografia de Elisabete Ghisleni Rodrigo Garcia Lopes (Londrina, PR, 1965) é poeta, romancista, tradutor, compositor, ensaísta e jornalista. Publicou os livros de poesia Solarium (1994), Visibilia (1996), Polivox (2002), Nômada (2004), Estúdio realidade (2013), Experiências extraordinárias (2015) e O Enigma das ondas (2020). É autor do romance policial O Trovador (finalista do Prêmio São Paulo de Literatura de 2015).Os poemas abaixo fazem parte de seu … Continuar lendo Rodrigo Garcia Lopes (1965_)

Laís Reis (1988-2020)

Laís Reis (1988-2020). Nasceu em São Bernardo do Campo. Formada em Letras, Português e Latim Clássico, pelas Universidades de São Paulo e Coimbra. Participou da Cooperativa da Invenção: Poesia e Tecnologia (2017) e do Curso Livre de Preparação de Escritores (2019), ambos na Casa das Rosas em São Paulo. * * * 1.*Você morre* Quando que não morre?Lucky Strike Duchampignon pronto para refletirentre um smoke e um strike … Continuar lendo Laís Reis (1988-2020)

Liana Salles Monteiro

Liana Salles Monteiro é formada em Rádio e TV pela UFRJ e hoje cursa mestrado em Comunicação e Cultura na mesma instituição. Já teve poemas publicados em antologias e editou com amigos a Revista Transversal, espaço de experimentação literária e poética. Na adolescência, passou bons dias cuidando de um blog dedicado à poesia, o “Teresa, a mulher das balas”.* Pensamentos sobre uma fotogravura de Thereza … Continuar lendo Liana Salles Monteiro

Thadeu C. Santos [1987_]

Thadeu C Santos (Itaperuna, 1987) é poeta e editor de poesia. Autopublicou zensaída (2016) e nossa arte é postar (2018) e é um dos produtores da Subcena (2017-2020). * * * toque para ampliar dobras no caminhoantes de vir. não vou, sem antesolhar para o céu. se alguma coisa cairque me tome de cima / baixo, useesta calça caqui em que um pingo de caféentrega … Continuar lendo Thadeu C. Santos [1987_]

Rente demais aos poemas de Arnaldo Xavier (1948-2004), por Ronald Augusto

Em agosto de 1998 Arnaldo Xavier enviou-me uma carta contendo alguns exemplares do livro LUDLUD (edição Casa Pyndahyba, 1997). No final da carta, digitada com capricho, uma anotação de punho solicitava: “Envie um [exemplar] p/o mineiro”. Não tenho bem certeza, mas esse destinatário mineiro deveria ser ou o Ricardo Aleixo ou o Edimilson de Almeida Pereira. Fosse quem fosse, espero que eu tenha enviado o … Continuar lendo Rente demais aos poemas de Arnaldo Xavier (1948-2004), por Ronald Augusto

Mariana Correia Santos

Mariana Correia Santos (1996) é poeta, escritora, tradutora e assistente editorial. Nasceu em Guarujá, na Baixada Santista. Vive em São Paulo e cursa graduação em Letras na Universidade de São Paulo (USP), na qual se concentra em estudos de poesia, tradução e sociedade. Participou do Curso Livre de Preparação do Escritor (CLIPE) da Casa das Rosas. Publicou poemas na Revista Lavoura e no projeto Sutura, … Continuar lendo Mariana Correia Santos

Bruna Martins

Bruna Martins (2000- ) nasceu em Itamarati de Minas, na Zona da Mata Mineira, e vive em São Paulo. É poeta, escritora, editora e graduanda em Letras Português e Francês pela Universidade de São Paulo. Colabora no Boletim 3×22 (1822 – 1922 – 2022), da Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin da USP. Sua produção busca diálogos com outras linguagens, além de refletir sobre o … Continuar lendo Bruna Martins

Simone Brantes

Simone Brantes nasceu em Nova Friburgo-RJ. É autora de três livros de poemas: Pastilhas brancas (1999), O caminho de Suam (2002) e Quase todas as noites (2016), que recebeu em 2017 o Prêmio Jabuti. Publicou poemas em vários jornais e revistas e participou de várias antologias, como as recém-publicadas Simultâneos pulsando – uma antologia da poesia fescenina brasileira e O nervo do Poema. A fotografia que estampa o … Continuar lendo Simone Brantes

Maria Isabel Iorio

maria isabel iorio é poeta e artista visual. publicou, em 2016, Em que pensaria quando estivesse fugindo e, em 2019, AOS OUTROS SÓ ATIRO O MEU CORPO, ambos pela Editora Urutau. faz uma série de trabalhos em vídeo, fotografia, teatro, desenho, colagem, ações coletivas, reunindo os registros em: https://mariaisabeliorio.myportfolio.com/. * * * fundamental não deitar não ficar de pé estou dentro de você seu cu não esperava a minha língua … Continuar lendo Maria Isabel Iorio

Kátia Borges

Kátia Borges é autora dos livros De volta à caixa de abelhas (As letras da Bahia, 2002), Uma balada para Janis (P55, 2009), Ticket Zen (Escrituras, 2010), Escorpião Amarelo (P55, 2012), São Selvagem (P55, 2014) e O exercício da distração (Penalux, 2017). Tem poemas incluídos nas coletâneas Roteiro da Poesia Brasileira, anos 2000 (Global, 2009), Traversée d’Océans – Voix poétiques de Bretagne et de Bahia … Continuar lendo Kátia Borges